Ifá - O senhor do destino - Paraiso Mistico

Ifá - O senhor do destino

(Cód.4171)
| Deixar comentário Fabricante: Madras

Ifá - O senhor do destinoDe acordo com a tradição yorùbá, Ifá é um òrìÿá muito importante, pois era chamado periodicamente por Ôlödùmaré, para que, com sua sabedoria, consertasse o mundo. Para os yorùbá, Ifá é quem conhece com profundidade a alma humana, a nossa vida e o que viemos fazer neste mundoSaiba Mais


R$28,41 à vista
no depósito/pix com 5% de desconto (Economia de R$1,50)
R$29,90
5x de R$5,98 sem juros
- +


Ifá - O senhor do destino

De acordo com a tradição yorùbá, Ifá é um òrìÿá muito importante, pois era chamado periodicamente por Ôlödùmaré, para que, com sua sabedoria, consertasse o mundo. Para os yorùbá, Ifá é quem conhece com profundidade a alma humana, a nossa vida e o que viemos fazer neste mundo. Ele é também o único meio de se chegar aos òrìÿá e obter suas bênçãos. É por meio da adivinhação de Ifá que podemos saber o que desejam os òrìÿá, como devemos nos comportar e ainda como nos proteger das forças maléficas. Esta obra pretende mostrar aos praticantes dos cultos de origem africana a importância de Ifá na Nigéria, no Benin, no Togo, em Cuba e em outros países onde a diáspora africana se fez presente. O texto inclui os versos de Ifá, por meio de cada Odù, ou o ojú odù, a caída dos odù e a dos òrìÿá que correspondem nessa caída, formando a impressão do odù, com a indicação do odù, na adivinhação do oráculo de Ifá e a magia correspondente a cada odù. Uma série de explicações preliminares sobre o culto a Ifá levará o leitor à compreensão desse tema. Há também uma lista de entidades voltadas para o estudo e a divulgação da cultura e da religião yorùbá. Isso ajudará o leitor que desejar aprender o idioma yorùbá, bem como sua religião tradicional.nbsp;nbsp;

Release:Fernandez Portugal Filho é libriano com ascendente em Leão. Ele nasceu em 1950 e, desde cedo, manifestou interesse pelas religiões afro-brasileiras, tendo seu primeiro contato com a Umbanda aos 14 anos, em uma casa no subúrbio carioca da Penha, levado por seus familiares. Começou sua formação mística aos 17 anos. Foi iniciado no Candomblé, onde recebeu os primeiros ensinamentos, permanecendo até o final dos anos de 1980. Publicou mais de uma dezena de obras sobre a cultura afro-brasileira; dirige há mais de 30 anos a Yorubana, entidade pioneira na divulgação sistematizada de cursos de Cultura Afro-Brasileira e Tradicional Religião Yorùbá; fez parte da comissão que trouxe ao Brasil Nelson Mandela e o Bispo sul-africano Desmond Tutu. Sua formação acadêmica é eclética: estudou Ciências Sociais; cursou Teologia na Universidade Santa Úrsula, sem concluir o curso; também estudou Filosofia na Escola Teológica do Mosteiro de São Bento e concluiu o curso de Naturopatia pela Escola Portuguesa de Naturopatia, em Lisboa. É jornalista e mestre em Antropologia. É, sem dúvida, um singular e dedicado africanista que, ao longo das décadas, vem dando dimensão real e respeitabilidade aos cultos de origem africana em nosso país. Ele já ministrou cursos para mais de 3 mil alunos em quase todo o território nacional e no exterior, especialmente na cidade do Rio de Janeiro, na lendária Yorubana. Desde 1996, é professor titular do mestrado em Antropologia Sócio-Cultural da Universidade de Havana, Cu-ba. Também é professor de Tradicional Religião Yorùbá na UERJ (Proeper).

Comentários sobre o produto